Portal da Cidade Andradas

POLÊMICA

Colegiado Escolar rebate declarações do prefeito sobre municipalização de escola

Representantes da Escola Estadual Daniel Ribeiro Moggi alegam que comunidade não quer a mudança

Postado em 06/11/2019 às 14:00 |

Alunos até o 5º passariam a ser atendidos pelo município (Foto: Arquivo/E.E.Daniel Ribeiro Moggi)

Após a publicação pelo Portal da Cidade de uma matéria sobre as declarações do prefeito de Andradas, Rodrigo Lopes, sobre a possível municipalização da E.E. Daniel Ribeiro Moggi, o Colegiado Escolar da instituição emitiu uma nota rebatendo as informações divulgadas pelo chefe do executivo municipal.

Entre as alegações dos representantes da escola estão os fatos de que a comunidade não estaria disposta a aceitar a mudança e ainda o receio de que a Prefeitura Municipal não tenha recursos financeiros suficientes para ofertar um ensino de qualidade igual ou superior ao que os alunos recebem.

De acordo com o prefeito, parte do ensino oferecido pela escola localizada na Vila Leandro Previato passaria a ser de responsabilidade municipal. Ele afirma que esta municipalização seria uma obrigação do município de oferecer o ensino até o 5º ano. Em vídeo publicado nas redes sociais, ele afirma ainda que os estudantes que passariam a ser atendidos pelo município teriam direto ao apostilamento e ao contra turno escolar, representando um ganho aos alunos.

Confira na íntegra a nota divulgada pelo Colegiado Escolar da Escola Estadual Daniel Ribeiro Moggi:

NOTA DE REPÚDIO

O Colegiado Escolar da Escola Estadual Daniel Ribeiro Moggi, frente ao comunicado recebido da diretoria escolar sobre o processo de Descentralização do Ensino Público, manifesta seu mais veemente repúdio à decisão de prosseguir com o processo citado por quatro (04) quesitos que consideramos de extrema importância sendo, o primeiro por falta de transparência, pois a Administração Pública tomou a decisão por conta própria e em momento algum trouxe ao conhecimento deste Colegiado os motivos, procedimentos a serem tomados e benefícios que a escola receberá; Segundo, por desrespeito à Democracia, pois este Colegiado, a comunidade envolvida, os alunos e os profissionais lotados na escola não foram consultados sobre a Descentralização, sendo privados de seu direito de expressão dado pela Constituição Federal de 1988; Terceiro, pela falta de Legislação Municipal que regulamente as ações a serem tomadas pela Prefeitura Municipal quando da efetivação da Descentralização Escolar com relação aos profissionais efetivos lotados na escola e à coabitação escolar Município/Estado; Quarto, e, diante de várias manifestações públicas em meios de comunicação de larga escala por parte do Senhor Prefeito Municipal da cidade de Andradas/MG contra o Estado nos últimos meses no que diz respeito à verbas para manutenção dos serviços municipais, principalmente os de educação, este Colegiado expressa um enorme receio e preocupação se a Prefeitura Municipal tem recursos financeiros suficientes para ofertar um ensino de qualidade igual ou superior ao que os alunos recebem até a presente data pelo Ensino Estadual, haja vista que, nenhuma informação relativa à situação financeira foi passada à população ou aos membros deste Colegiado, destacando aqui as falas do Senhor Prefeito Municipal ditas em vídeo através de uma rede social quando ele foi questionado sobre o assunto: 

“... quem sabe da gestão do Município é o Prefeito, quem sabe da folha de pagamento do Município é o Prefeito...” 

Outro ponto que repudiamos veementemente é o fato do Senhor Prefeito Municipal citar de maneira tendenciosa em meios de comunicação, o fato de haver quando da municipalização, alunos de 5º ano que não sabiam ler e escrever na escola municipalizada no Bairro do Campestrinho, fazendo-se entender que o ensino estadual é falho, o que não é verdade, pois em todas as escolas, independentemente de sua natureza, há alunos que necessitam de atenção pedagógica. Este ato demonstra a insegurança e a falta de pontos positivos que a Prefeitura Municipal possui para justificar a Descentralização do Ensino Básico na cidade de Andradas/MG.

Esclarecendo mais um equívoco do Senhor Prefeito Municipal em suas recentes falas, em momento algum foi citado que os alunos não caberiam na Escola, pois a escola e deles e totalmente para eles, o que se torna inviável é a coabitação da parte administrativa da Escola, pois s senhora Superintendente Regional de Ensino afirmou a todos em reunião na Escola que tudo deve ser dividido, com a seguinte fala:

“... tudo será dividido, o Estado vai utilizar o que é dele e o Município vai dar um jeito de ter as coisas dele...”  

E, por tal fala, a preocupação é ainda maior, pois a referida Escola não comportará duas estruturas administrativas diferentes. Não fugimos da realidade e gostamos de ser realmente transparentes, por isso abrimos as portas da Escola para que a população e interessados possam confirmar este fato. 

Com relação ao Projeto Escola Integral que o Senhor Prefeito Municipal tanto tem falado, o Estado também fornece este benefício aos seus alunos, o qual trabalha em contra turno com inteira integração junto aos professores do horário regular para buscar a excelência do ensino. Neste ano de 2019 não foi ofertado este benefício, pois houve um erro de lançamento de dados por parte da Superintendência de Ensino de Poços de Caldas, o que causou transtornos e culminou na não oferta do serviço. Ressaltamos que, este projeto citado, ofertado pelo Estado já se faz presente na Escola em questão há 10 anos e a partir do próximo ano voltará a ser ofertado normalmente, explicitando desta forma mais uma informação equivocada que o Senhor Prefeito Municipal levou à população.

Não somos contrários ao Processo de Descentralização do Ensino Público, solicitamos a prorrogação do processo para um período mínimo de um (01) ano, para que com retidão, transparência, tempo para tramitação de legislação municipal pertinente, certeza financeira e principalmente com respeito à Democracia, o procedimento acima citado seja desenvolvido e aceito pela comunidade de forma plausível.

Assina esta Nota o Presidente do Colegiado e demais membros em exercício.

Respeitosamente,

Membros do Colegiado Escolar



Receba as notícias através do grupo oficial do Portal da Cidade Andradas no seu WhatsApp. Não se preocupe, somente nosso número conseguirá fazer publicações, evitando assim conteúdos impróprios e inadequados. 📲 Participe: http://bit.ly/32NqpWU 👈

Faça parte também das nossas redes sociais: Facebook e Instagram.

Fonte:

Deixe seu comentário