Portal da Cidade Andradas

CAUSAS NATURAIS

Condenado por morte de ex, João Papelão é encontrado morto em Caldas

Empresário foi condenado a 18 anos de prisão pela morte Andréa Araújo de Almeida em 2014

Publicado em 01/08/2022 às 15:00

Condenação de João Papelão ocorreu em 2017 (Foto: Polícia Civil)

O empresário João Batista dos Reis, mais conhecido como João Papelão, foi encontrado morto na zona rural de Caldas no domingo, 31 de julho. João havia sido condenado em 2017 a 18 anos de prisão pela morte da servidora Andréa Araújo de Almeida, ocorrida em janeiro de 2014 em Poços de Caldas.

De acordo com a Polícia Militar, o corpo de João Papelão foi encontrado por um vizinho na chácara onde morava. Segundo seus familiares, a morte teria ocorrido por causas naturais.

João Papelão foi condenado em 2017 pela morte de sua ex, mas recorria em liberdade. Ele foi acusado de ser o mandante do crime e, durante julgamento, assumiu ter pago R$ 50 mil a pistoleiros apenas para "dar um susto" em Andréa em janeiro de 2014.

A ossada da vítima foi encontrada dias depois em um cafezal, no distrito de Palmeiral. Os suspeitos foram identificados através de câmeras de segurança. As investigações apontaram que o crime teria ocorrido por conta de um desentendimento pela partilha de bens, uma vez que o empresário tinha na época uma fortuna avaliada em R$ 70 milhões.

Fonte:

Receba as notícias de Andradas no seu WhatsApp.
Clique aqui, é gratis!

Deixe seu comentário