Portal da Cidade Andradas

FISCALIZAÇÃO

“Operação Raio-X” é realizada pela Receita Federal em Poços de Caldas

Ação fiscaliza correspondências nos Correios por suspeita de contrabando e descaminho

Postado em 05/11/2019 às 15:30 |

Receita investiga envio de mercadorias sem nota fiscal (Foto: Receita Federal)

A Receita Federal deu início em Poços de Caldas nesta terça-feira, 05, à "Operação Raio-X. Ação fiscaliza correspondências nos Correios por suspeita de contrabando e descaminho por meio de envio de mercadorias sem nota fiscal.

Segundo a Receita, as investigações começaram a cerca de 6 meses apontando a possibilidade de existência de crime relacionado à falta de pagamento de tributos, principalmente de produtos com pedidos pela internet. Levantamentos apontam que 90% dos pacotes retidos nos Correios não teriam comprovação de origem ou nota fiscal.

A Operação foca na análise do conteúdo das correspondências no Centro de Distribuição dos Correios em Poços de Caldas a fim de evitar o envio de produtos contrabandeados. A análise é feita com uma máquina de raio-x - que dá origem ao nome da operação - e caso haja suspeita, é feita a abertura de pacotes.

Ainda de acordo com a Receita Federal, não há data para a Operação Raio-X ser encerrada e ações como a desta terça vão acontecer de forma constante. Somente nesta manhã mais de 30 mercadorias já haviam sido retidas.

CRIME - Suspeitos de contrabando estão sujeitos à pena de dois a cinco anos de prisão. O crime de descaminho prevê de um a quatro anos. Quem compra também pode sofrer penas e representações fiscais.

Fonte:

Deixe seu comentário