Portal da Cidade Andradas

DESBUROCRATIZAR

Sala do Empreendedor vai facilitar a abertura de empresas em São João

Espaço público pretende desburocratizar processos e contribuir para a geração de empregos

Postado em 23/08/2019 às 13:36 |

(Foto: ACS/Prefeitura de São João)

A Assessoria Municipal de Desenvolvimento Econômico reuniu na manhã da última quinta-feira, 22, no auditório do CIESP (Centro das Indústrias do Estado de São Paulo), um grupo de contadores de São João da Boa Vista para apresentar a Sala do Empreendedor e explicar o funcionamento do Via Rápida Empresa.

Módulo estadual de licenciamento, o Via Rápida chega a São João para facilitar a abertura de empresas e, consequentemente, gerar novos empregos na cidade.

A previsão é de que o atendimento na Sala do Empreendedor comece no dia 9 de setembro, com os serviços realizados no prédio do CIESP, Avenida Dr. Oscar Pirajá Martins, 870, bairro Santo André.

Amélia Queiroz, assessora de Desenvolvimento Econômico da Prefeitura, afirma que todo o processo relacionado a abertura de empresas, seja MEI (Microempreendedor Individual) ou grande empresa, tramitará, a partir de agora, diretamente na Sala do Empreendedor.

"A ideia é de que seja um sistema de informação que ajude a operar muito rapidamente e que os processos não precisem andar de departamento para departamento. Nossa meta é de que em pelo menos 72 horas tudo se resolva e a empresa saia", explica.

Desburocratizar a abertura de empresas e renovar alvarás de funcionamento são prioridades da Sala do Empreendedor. A estrutura conta com profissionais capacitados dos Departamentos Municipais de Engenharia, Finanças e Saúde (Setor de Vigilância Sanitária), com participação do núcleo de contadores da Associação Comercial e Empresarial (ACE).

O atendimento será realizado por equipe multidisciplinar, conforme destaca o agente administrativo Gustavo Beloni. "Então, o empreendedor, num único local, consegue todas as informações e tira dúvidas sobre o processo de abertura e registro de empresa", aponta.

A meta é incentivar a geração de empregos em São João. No modelo antigo, o interessado precisava dirigir-se ao Sebrae e outros Departamentos da Prefeitura para resolver a situação.

"Essa é uma estratégia da administração. O que nós temos que fazer para gerar mais rápido emprego e renda, além de captar negócios? É fazer uma prestação de serviços mais rápida", conclui Amélia Queiroz.

Fonte:

Deixe seu comentário