Portal da Cidade Andradas

HOMENAGEM

Caminhoneiros fazem cortejo de andradense morto após ser atropelado em protesto

Alexandre, de 40 anos, foi atropelado por um caminhão durante manifestação em Paulínia

Postado em 04/03/2021 às 13:30 |

Caminhoneiros acompanham corpo até Andradas (Foto: Live Paulínia)

Nessa quinta-feira, 04, caminhoneiros realizam uma homenagem ao andradense Alexandre “Mão Branca”, que perdeu a vida após ser atropelado durante uma manifestação em Paulínia na quarta-feira. Grupo realiza o cortejo do corpo até Andradas.


O grupo de caminhoneiros acompanha o corpo de Alexandre desde Paulínia até Andradas, onde ele será sepultado. No trajeto, a Polícia Militar realiza a escolta para que a homenagem possa ser realizada.

Veja a passagem do comboio por um trecho a caminho de Andradas:

Alexandre tinha 40 anos e participava da manifestação próxima à Refinaria de Paulínia quando acabou atropelado por um caminhão. Ele chegou a ser socorrido e encaminhado para o Hospital das Clínicas da Unicamp, mas não resistiu aos ferimentos.

Fonte:

Receba as notícias de Andradas no seu WhatsApp.
Clique aqui, é gratis!

Deixe seu comentário